ATENÇÃO: Nossa equipe entrará em contato com você muito EM BREVE pelo WhatsApp. Enquanto isso, leia atentamente essa carta feita para você.

Como dobrar (ou triplicar) a lucratividade do seu negócio de alimentação nos próximos meses - trabalhando MUITO MENOS do que você trabalha hoje.

Já imaginou amadurecer e crescer 5 anos do seu negócio em 12 meses?

Eu estou falando de você definitivamente:

  • Aumentar o seu faturamento sem sobrecarregar seu time operacional;
  • Aumentar sua margem de lucro e ter MAIS DINHEIRO NO BOLSO de verdade;
  • Expandir seu número de unidades e se tornar o nº1 da sua região.
  • Organizar sua empresa para que seus colaboradores saibam exatamente o que fazer

Mas o melhor de tudo:

Conquistar, junto com tudo isso, a tão sonhada LIBERDADE, tendo uma operação que não depende de você para funcionar.

Ou seja, estou literalmente falando que você pode ganhar mais, trabalhando menos, com um negócio lucrativo, onde você é praticamente IRRELEVANTE na sua operação.

Parece bom demais para ser verdade?

Eu também pensava isso, até que eu vi esse resultado se concretizar na minha própria empresa.

Caso você não me conheça, me chamo Marcelo Politi, e tenho 35 anos de experiência no ramo de alimentos e bebidas – como empresário e executivo.

Sim, SÃO MAIS DE TRÊS DÉCADAS dedicadas a esse mercado, no qual conquistei tudo que tenho hoje.

Entretanto, de todos os negócios que eu toquei ao longo desses anos, poucos foram tão decisivos para o sucesso da minha carreira quanto esses dois:

A implantação da franquia Hard Rock Café aqui no Brasil, em 1999.

E a criação do Grupo Jardim de Negócios de Alimentação, empresa dedicada a eventos corporativos e buffets de casamentos.

Esses foram os negócios que consolidaram a minha carreira, e que fizeram a minha vida.

Mas…

EU ODIAVA COM TODAS AS FORÇAS A MINHA ROTINA DE TRABALHO!

É isso mesmo!

Algumas pessoas ficam absolutamente surpresas quando digo isso, mas a verdade é que eu ODEIO TOCAR UM NEGÓCIO.

“Como assim, Politi? Mas você já trabalha com isso há 35 anos…”

Sim, mas uma coisa não tem nada a ver com a outra. Faço o que precisa ser feito, mas isso não significa que eu ame essas coisas.

Eu GOSTO (e sempre gostei), de verdade, apenas de três coisas:

  • Minha família;
  • Surf;
  • Futevôlei.

É só isso! O resto, faço por necessidade, e sempre procurei como um louco meios de DELEGAR e AFASTAR de mim qualquer tipo de tarefa operacional e recorrente nos meus negócios.

Devo confessar que isso às vezes me rendeu alguns problemas quando trabalhei em outras empresas.

O pessoal achava eu era apenas um vagabundo que não queria trabalhar. O que, na verdade, talvez não estivesse totalmente errado (rsrs), mas o ponto é:

Eu aprendi desde cedo que CENTRALIZAR funções não necessariamente me traria mais resultado (muito pelo contrário).

Essa foi mais ou menos a minha história até 2018, quando implantei uma metodologia completamente nova nas minhas operações, e tive um RESULTADO EXTRAORDINÁRIO.

Francamente, foi muito melhor do que qualquer coisa que eu poderia imaginar.

Começamos a implantação dessa metodologia em 2018, e o ano seguinte (2019) foi um dos melhores da história da nossa empresa, tanto que ao final nosso grupo ganhou o Prêmio Caio, reconhecido como o maior centro de convenções de médio porte do país.

Entretanto, o detalhe mais extraordinário dessa história é:

ESSE FOI O ANO EM QUE EU MENOS TRABALHEI.

Eu me tornei praticamente irrelevante na minha operação, o negócio começou a funcionar praticamente no automático, sem que eu precisasse mover um dedo para que as coisas pudessem acontecer.

“Mas, Politi, como assim? É bom que o empresário seja irrelevante na própria empresa?”

Lógico! Porque quando eu digo “irrelevante”, o que estou querendo dizer é: a OPERAÇÃO não depende de você para performar em seu máximo potencial!

Quando a operação não depende de você, sobra tempo na sua agenda para fazer o que realmente importa:

Planejar os próximos passos;
Abrir novas fontes de receita;
Fazer o negócio expandir.

Isso é trabalhar O negócio.

Era evidente para mim que, enquanto eu estava com o nariz enfiado no operacional, não sobrava tempo para o essencial:

GANHAR DINHEIRO E USUFRUIR OS FRUTOS DO MEU TRABALHO.

Você vai concordar comigo:

    • Não é saudável interromper uma programação em família para resolver pepinos do negócio;
    • Não é saudável deixar de acompanhar o crescimento dos filhos porque o seu dia é consumido pelos problemas operacionais da empresa.

 

Nada é mais infernal que a rotina de um dono de restaurante que não faz outra coisa da vida a não ser trabalhar, trabalhar e trabalhar… e ainda assim não vê a cor da grana no final do mês.

O negócio se torna um verdadeiro castigo na sua vida: você é obrigado a trabalhar que nem pagador de promessa todos os dias, e ainda assim não vê os resultados de todo esse sacrifício.

O trabalho operacional é apenas o trabalho NO negócio, NAS pendências e urgências menores do dia a dia.

O empresário que trabalha O negócio, ganha dinheiro; o empresário que trabalho NO negócio, ganha um emprego (o pior emprego do mundo).

Eu já havia entendido isso muitos anos antes de obter esse resultado com a minha empresa, entretanto, ainda não sabia exatamente COMO FAZER, não sabia quais os passos e ações concretas me levariam a construir uma operação independente, que me permitisse usar 100% do meu tempo para trabalhar apenas O negócio.

Em 2019, ao conquistar o Prêmio Caio, com uma operação lucrativa e 100% autogerenciável, eu percebi que finalmente havia encontrado a resposta, e ela estava nesta NOVA METODOLOGIA.

E com tudo isso acontecendo, uma coisa era muito óbvio: com todo esse resultado, essa metodologia não poderia ficar escondida comigo.

Há mais de 10 anos eu sou abordado por centenas de amigos do ramo de alimentação, com dificuldades para conquistarem uma operação que seja realmente lucrativa e autogerenciável.

Foi aí que eu percebi a necessidade de trazer a mesma metodologia que eu implantei na minha empresa para o universo dos negócios de alimentação de um modo geral.

Ela precisaria fazer sentido para qualquer tipo de negócio que trabalhe com alimento. Desde empresas de eventos, até restaurantes, bares, lanchonetes, pizzarias, hamburguerias… enfim, todo e qualquer tipo de negócio de alimentação.

Foi dessa empreitada que nasceu o Método Tração, um método de escala e aceleração de resultados pensado exclusivamente para o mercado de alimentação.

O objetivo do Método Tração é oferecer a qualquer dono de negócio de alimentação um passo a passo exato para que ele possa:

1 Aumentar sua lucratividade.
2 Criar times de alta performance.
3 Conquistar uma operação independente e padronizada.
4 Escalar seus resultados e expandir

Exatamente nesta ordem.

Primeiro você aprende a turbinar sua lucratividade e a colocar mais dinheiro no seu bolso.

Em seguida, aprende a criar e treinar times de elite, que sejam MELHORES QUE VOCÊ para tocar o negócio, e tenham mentalidade de dono.

Quando seu time está bem encaminhado, você então fica pronto para olhar para sua operação, e fazer com que ela passe a ser dirigida por esse mesmo time, de modo que ela não dependa mais de você para funcionar.

Por fim, com uma operação independente e padronizada, e com lucro no seu bolso, você tem dinheiro, energia, tempo e meios para escalar seus resultados, expandir seu número de unidades e fazer o negócio crescer de forma exponencial.

O que eu estou dizendo não é apenas o que eu “acho” que acontece. É o que de fato está acontecendo e se tornando realidade na vida dos meus alunos e mentorados.

Dá só uma olhada:

Ele dobrou o faturamento, e abriu dois novos negócios, sendo que nenhuma dessas empresas depende dele para funcionar. Tudo isso graças ao Método Tração.

Ela reduziu 21 pontos percentuais de CMV, economizou +50 mil reais/mês, e praticamente salvou o negócio da falência, graças ao Método Tração.
Ela tinha um bom faturamento, mas sequer sabia se estava lucrando. Ora achava que estava rica, ora que estava pobre. Hoje tem o lucro na ponta da língua: estava em 1%, e saltou para 30% com o Método Tração.
Ele reduziu 9 pontos percentuais de CMV, e estava colocando R$ 22 mil a mais no bolso todos os meses graças ao Método Tração.
Ele queria implantar uma cultura forte na empresa, que já tem mais de 200 funcionários, e encontrou a resposta no Método Tração.
Agora chegou a sua vez de acelerar os seus resultados.

Se você não aguenta mais trabalhar muito para lucrar pouco, a sessão estratégica vai mostrar qual é o caminho para aumentar a sua lucratividade.

Se você tem enormes dores de cabeça com seus funcionários, a sessão estratégica vai mostrar o caminho para conquistar um time engajado e solucionador de problemas.

Se você sente que está sobrecarregado, a sessão estratégica vai mostrar o caminho para tornar a sua operação 100% autogerenciável e independente.

Por fim, se você está insatisfeito com seus resultados, a sessão estratégica dará na sua mão o plano de ação para escalar seu negócio e levá-lo até o próximo nível.

Durante a sua sessão estratégica, um dos membros do meu time de especialistas fará um diagnóstico do momento atual do seu negócio, mostrará exatamente o que precisa ser feito para plugar a Metodologia Tração na sua empresa e alcançar os resultados que você tanto quer.

Prepare-se, porque nossa agenda é extremamente limitada. Então, se você por algum motivo não puder participar da sessão no dia e horário marcados, nos avise de imediato.

O não comparecimento sem explicações pode fazer com que você perca definitivamente a chance de ter acesso a todo esse conteúdo, pois nosso time não irá atendê-lo novamente.

Portanto, caso haja algum problema, nos avise para remarcarmos. Caso contrário, prepare-se para sua sessão estratégica que acontecerá em breve.

Um abraço,
Marcelo Politi.